UMA ARTE VALE POR MIL ARTESANATOS

Você já pensou que pode ser possível transformar a sua arte, criação em um infoproduto que pode ser revendido quantas vezes quiser sem limite algum?

Meus amores saibam que isso é possível e você pode fazer de maneira fácil. Mais fácil do que você imagina. O que eu vejo por aí são pessoas que acabam criando coisas incríveis e os produzindo uma única vez.

No artesanato, embora possa produzir muitos exemplares, faz chegar um momento em que o estoque pode acabar e você não terá mais a vender. Porque não transformar esse processo de fabricação em um e-book ou curso online e ensinar todos a fazer?

Dessa forma, o seu artesanato ficará imortalizado digitalmente e melhor ainda, você poderá vender quantas vezes quiser sem nenhum limite de quantidade ou tempo de venda.

Estamos na era digital, então, porque não se tornar digital também? Venham comigo meus amores que eu irei ensinar vocês.

ARTESANATO: O QUE É PRECISO PARA SER DIGITAL?

Meu amor, a primeira coisa que você precisa para ser digital é ter o conhecimento necessário para conseguir ensinar o cliente a alcançar seus objetivos.

De certa maneira, isso é algo obvio, afinal, como você ensinaria algo que nem mesmo sabe? Para ser um infoproduto, dominar o assunto a qual está passando aos seus futuros clientes é crucial para se criar um produto digital.

Vamos do início meus amores. A primeira coisa para se criar um infoproduto já sabemos p que é, conhecimento. A segunda saber guiar o cliente até o objetivo final, que é produzir o artesanato em questão.

Usando um exemplo bem simples, tipo, criar construir um ursinho de pelúcia. É um artesanato que envolve uma série de coisas como a confecção de moldes, obtenção de material como o tecido certo, a linha certa, o enchimento, detalhes e a forma certa de costurar.

Tudo isso você deve aplicar em sequência dentro do seu infoproduto, no caso, um curso online, seja ele apostila ou vídeos curtos.

O seu objetivo durante a organização do curso é conseguir ensinar o cliente de forma fácil e objetiva a alcançar o que ele quer.

O ponto final, confeccionar um ursinho de pelúcia. Para isso, é fácil simplificar alguns passos, dar dicas mais claras e atalhos que pode pegar para diminuir esse caminho até chegar no destino final.

INFOPRODUTO: ARTESANATO EM FORMA DE REVISTA DIGITAL

Transformar a sua arte, ou artesanato, em um produto digital que possa ser reproduzido e vendido infinitas vezes é possível através das revistas digitais.

Você já ouviu o termo e-magazines? Esse é o termo usado para revista eletrônica. Essas revistas são basicamente a mesma coisa que suas versões impressas, com a diferença de serem distribuídas digitalmente.

Ele se difere de um e-book simplesmente porque deve sempre ser feito uma diferente, ou seja, uma nova com conteúdos novos a cada tempo pré-determinado.

Dessa maneira, ao invés de vender um único e-book contendo todos os conteúdos, você pode fazer do seu artesanato um infoproduto que sempre estará em circulação.

Em outras palavras, uma revista tem ume determinado preço que você ganha toda vez que alguém compra. Digamos que você a venda por R$4,99 (é apenas uma suposição) um exemplar e uma determinada quantidade de pessoas compre.

Vamos botas um valor de 100.000 mil pessoas. você teria um lucro de R$499,000 mil reais. Então você deve estar pensando, mas se eu vender um e-book por R$190 reais para 100.000 pessoas eu irei faturar muito mais que isso.

Você está certo, mas, em quanto tempo você conseguirá vender um único e-book para 100.000 pessoas? Leve em conta que uma revista digital foi criada para ter vários exemplares e não apenas 1.

E vamos concordar, as pessoas gostam muito de ler revistas, pense que você poderia fazer infinitas copias do infoproduto do seu artesanato, montar uma revista com diferentes temas.

E várias outras com temas relacionados e vender por semanas, meses e até anos focando sempre em novos assuntos em não em apenas um.

Pense nelas como as etapas de um curso divididas em edições que seriam vendidas. Dessa maneira, se a sua revista digital tiver dez exemplares custando R$4,99 cada uma, ao todo você estaria lucrando R$49,90 sempre que vende uma edição diferente da revista.

Mantendo esse ritmo de criação de revista você poderia continuar faturando desde a primeira até a mais recente. Usando o exemplo das dez edições, se vender cada edição para um publico de 100.000 pessoas conseguirá arrecadar R$49.900.000 milhões.

Lembrando que é apenas uma suposição, certo? Seu artesanato convertido em um produto digital que pode ser vendido infinitas vezes é um negocio lucrativo quando se pensa direito.

ARTESANATO: COMO EU CONSIGO TRANSFORMAR O MEU ARTESANATO EM UM INFOPRODUTO

Para conseguir pegar a sua arte e transforma-la em um produto digital que possa ser reproduzido e vendido quantas vezes você quiser é muito fácil e você não vai gastar 1 centavo para fazer isso. Bem, você gasta se quiser.

A primeira forma é através de programas gratuitos ou pagos que existem pela internet a fora.

São eles Word da Microsoft ou mesmo o Google Docs, onde você poderá escrever o seu e-book, apostila ou curso e fazer as edições que necessita para transformar o seu artesanato em um infoproduto.

Se o seu problema for escrever você pode pagar para um profissional, escritor, escrever esse material para você. Para simplificar a vida dele, e a sua também, grave vídeos explicando o passo a passo da confecção do artesanato.

Os vídeos podem ser um material a mais para quem pretende fazer esse curso de artesanato que você criou. Na internet, em plataformas de assinantes, você pode disponibilizar seu curso para a venda. Onde o cliente compra e assistem as aulas pela plataforma de hospedagem, como um curso online mesmo.

Voltando ao exemplo, o escritor irá transformar esses seus vídeos, a explicação contida neles e transformará em um e-book que você poderá distribuir.

CONCLUSÃO

O artesanato é uma arte que existe a muito tempo e merece ser passada a mais pessoas. Por isso, transformar sua arte em um infoproduto não é apenas uma forma de você lucrar financeiramente na internet.

É também uma forma de alguém, um cliente, lucrar culturalmente e intelectualmente, aprendendo a confeccionar qualquer coisa a partir dos seus ensinamentos sobre artesanatos ou sobre a sua criação em especifico.

-----------------------


DBL Plus
-----------------------

Curso Gratuito de Personalizados

⭐Garanta sua participação em nossas aulas Gratuitas
🔴[AO VIVO] e ainda conte com alguns bônus e extras.

🔷 Faça seu cadastro 🔷

(Papelaria Personalizada, Personalizados de Luxo, Cartonagem, Vendas e Extras), sua inscrição também garante que você possa acompanhar de perto a nossa próxima abertura de turma do curso
✂️Do Básico ao Luxo🎀

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.